China importa volume recorde de carnes e deve manter ritmo em 2017

“A produção local de carne tem se tido dificuldade de expandir nos últimos anos e a China tem registrado baixo crescimento de oferta frente a outros países asiáticos, em particular”.

Em compensação, as importações chinesas de grãos e algumas soft commodities (com exceção de óleo de palma, soja e açúcar) devem continuar fracas nos próximos trimestres devido ao excesso de oferta e à limitação imposta pelas autoridades sobre alguns produtos, acrescentou a consultoria.

Fonte: Valor Econômico, adaptada pela Equipe BeefPoint.