Que raças posso cruzar com minhas vacas F1 Simental x Nelore?

“Tenho fêmeas Nelore e também tenho fêmeas F1 Simental x Nelore. Nestas Simental x Nelore, qual é a melhor raça para ser utilizada sobre elas?”, perguntou o criador Marcelo, de Presidente Getúlio, município que fica a cerca de 220 km da capital Florianópolis, capital de Santa Catarina. Na resposta ao pecuarista, o zootecnista Alexandre Zadra, […]

“Tenho fêmeas Nelore e também tenho fêmeas F1 Simental x Nelore. Nestas Simental x Nelore, qual é a melhor raça para ser utilizada sobre elas?”, perguntou o criador Marcelo, de Presidente Getúlio, município que fica a cerca de 220 km da capital Florianópolis, capital de Santa Catarina.

Na resposta ao pecuarista, o zootecnista Alexandre Zadra, especialista em cruzamentos, autor do blog “Crossbreeding” e supervisor regional comercial da Genex para os estados do Acre, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Rondônia, apontou que a região é de pouca altitude com um calor úmido de até 30º C no verão e inverno moderado.

Sem saber o objetivo específico do pecuarista, Zadra listou opções gerais de cruzamento. “Se você quiser fazer um cruzamento sobre estas matrizes F1 Simental x Nelore onde você vai aproveitar a fêmea tricross filha da meio-sangue, recomendamos que você use algum africano, por exemplo, o Bonsmara ou o Senepol, sobre esta fêmea Simental”, indicou.

O zootecnista disse que raças bimestiças também são boas alternativas para produzir matrizes de reposição e também para o cruzamento terminal, com boa carcaça, embora o produtor tenha que estar consciente que é mais exigente em termos nutricionais.

“As raças bimestiças, como outras opções, também são muito interessantes, como o Brangus, o Braford, para você segurar a fêmea. A gente lembra que o Braford, Brangus, Bonsmara sobre a meio-sangue Simental vão gerar animais que têm um metabolismo médio para alto, com os 56% de sangue europeu nesses tricross e podem fazer com que o animal tenha um pouco de mais de exigência nutricional e também de cuidados com carrapato, porque vai ter um pelinho. Quando você usa bimestiço ou Bonsmara na F1 europeia. Caso você queira fazer uma fêmea boa tricross, utiliza o Senepol que vai muito bem”, acrescentou.

O zootecnista comentou também um possível cruzamento das F1 Simental x Nelore com um zebuíno. “Pode, sim, a novilha Simental meio-sangue pare um Zebu tranquilo, fazendo um ¾ Nelore de muito boa qualidade, ou mesmo um outro zebuíno. Só tenha cuidado: se for outro zebuíno, que seja um touro de parto fácil”, ponderou.

https://cdn.jwplayer.com/players/MkXOX8EO-gNraOmat.html

“Recapitulando, você use raças de pelo zero, sem pelo, tropicais sobre a sua F1 Simental x Nelore caso você queira segurar a fêmea na sua casa aí para ser reprodutora, para ser matriz de reposição. Caso você queira fazer um cruzamento um pouco mais avançado com uma nutrição um pouco mais cuidadosa pós-desmama, recomendo o Bonsmara, os bimestiços Braford, Brangus, ok? Você vai fazer um animal tricross de muito boa qualidade, inclusive de carcaça”, resumiu.

Por que Bonsmara?

"O aspecto mais importante da criação de gado de corte é sua adaptação a um ambiente específico."

- Prof. Jan Bonsma

Saiba mais sobre a raça Bonsmara e por que ela pode mudar a realidade de sua fazenda.

ddd
logo
Group-2-copy1