Qual a melhor raça para dar choque de sangue em Nelore no Pará?

Em entrevista recente ao Giro do Boi, o zootecnista Alexandre Zadra, autor do blog “Crossbreeding” e supervisor regional comercial da Genex para os estados do Acre, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Rondônia, respondeu de uma vez diversas dúvidas de pecuaristas por conta do envio massivo de perguntas para o quadro Zadra Responde.

Uma destas questões veio de Jean dos Santos Isidoro, de Novo Repartimento, no Pará, que quis saber qual é a melhor raça para produzir bezerros para recria partindo da base Nelore e obtendo heterose, choque de sangue, na região em que está, de clima tropical úmido.

“Todo europeu que você usar vai dar bom com teu Nelore. O F1 europeu com Nelore vai muito bem em qualquer lugar do país, tanto no calor quanto no frio. Então você pode usar raças como o Angus ou Hereford pra fazer um macho pesado, uma fêmea que fique em casa. Você pode usar o Simental para fazer uma fêmea também um pouco maior e um macho pesado. O Charolês, por exemplo. Então todo europeu vai muito bem. Aí estamos falando em inseminação artificial, ok? Use todo europeu através de inseminação artificial no seu gado que vai muito bem esse meio-sangue europeu“, recomendou Zadra.

O zootecnista ainda fez uma ponderação. “Se for touro, você pode usar touros adaptados. Até o Bonsmara, bem caprichado, ele vai bem, ou os bimestiços, como Brangus e Braford como touros”, acrescentou.

Veja a entrevista completa de Alexandre Zadra ao Giro do Boi:

.

Por que Bonsmara?

"O aspecto mais importante da criação de gado de corte é sua adaptação a um ambiente específico."

- Prof. Jan Bonsma

Saiba mais sobre a raça Bonsmara e por que ela pode mudar a realidade de sua fazenda.

ddd
logo
Group-2-copy1