Frigoríficos em MT paralisam novas compras de boi e sinalizam férias coletivas para a próxima semana

Unidades que seguem comprando tentam pressionar as cotações e oferecem até R$40,00 a menos pela arroba, em relação ao melhor momento dos preços

No estado do Mato Grosso, as indústrias frigoríficas não estão realizando novas negociações no mercado do boi gordo. Com o período de festividades e final de ano, muitas indústrias sinalizaram férias coletivas para os funcionários para a próxima semana e tem ofertas para o boi gordo de R$ 180,00/@.

De acordo com o Presidente da Comissão de Pecuária da Famato, Neto Gouveia, as cotações passaram de R$ 150,00/@ e alcançou o patamar dos R$ 220,00/@. “Hoje, os frigoríficos estão tentando ofertar valores de R$ 180,00/@ para o boi gordo e a vaca a R$ 170,00/@, mas não está saindo negócios nestes preços”, comenta.  

As indústrias estão conseguindo preencher as programações de abate com animais contratados a termo e alguns pecuaristas que aceitam esses valores. “Todos os produtores rurais cumpriram todos os negócios de boi a termo, que foram travados com a arroba a R$ 155,00/@, meses antes das referências ficarem a acima dos R$ 200,00/@”, relata.Por: Aleksander Horta e Andressa SimãoFonte: Notícias Agrícolas

Por que Bonsmara?

"O aspecto mais importante da criação de gado de corte é sua adaptação a um ambiente específico."

- Prof. Jan Bonsma

Saiba mais sobre a raça Bonsmara e por que ela pode mudar a realidade de sua fazenda.

ddd
logo
Group-2-copy1

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *